A simplicidade da V60

 

O café ainda não começou a ser preparado e o design da V60 já preencheu a nossa imaginação. Olhamos e observamos, sorrimos e questionamo-nos acerca daquele cone perfeito e da forma como assenta na pequena base circular. Poderia ser facilmente confundido com uma chávena, pela simplicidade do seu formato, mas os veios no seu interior não deixam espaço para dúvidas. Algo neste belo objeto sugere movimento, uma acção a concretizar. 

 
 

Quando o café moído assenta no filtro de papel da V60, dá-se início a um ritual de serenidade medido em gramas e tempo, unidades convertidas na chávena ideal de café. Construído num ângulo de 60º, a Hario V60 foi criada para que a água fluisse naturalmente para o centro do bule, proporcionando uma filtragem por igual, e permitindo a expansão do pó do café no momento em que está a ser coado. A abertura larga na base do coador faz com que o café possa descer sem pressas, uma velocidade controlada pela rotação lenta do nosso braço que promete equilibrar o aroma doce dos grãos e a acidez característica do café. 

 
 

Pouco a pouco, o café vai descendo, preenchendo o bule com a sua cor de caramelo e deixando no ar o convite ao conforto suave que só uma bebida quente acabada de fazer consegue proporcionar.

-

Estão disponíveis para venda no Manifesto todos os materiais necessários para a preparação de um café utilizando este método de extração.